Populares invadem condomínio e agridem homem suspeito de ameaçar esposa; video

Populares invadem condomínio e agridem homem suspeito de ameaçar esposa; video

A luta contra os crimes de violência contra a mulher representa um desafio significativo para as autoridades de segurança. No entanto, recentemente, tem-se notado uma evolução na percepção desse tipo de violência.

Um incidente ocorrido na Avenida Boa Viagem, Zona Sul do Recife, demandou a intervenção da polícia militar após uma briga generalizada. O embate teve início quando um homem foi suspeito de ameaçar sua esposa.

De acordo com as informações disponíveis, o indivíduo se envolveu em uma discussão com sua esposa e proferiu ameaças contra ela. Transeuntes que estavam na avenida presenciaram a situação e decidiram tomar medidas por conta própria.

As câmeras de segurança do condomínio registraram o instante em que um grupo de pessoas adentrou no condomínio, dirigindo-se ao homem suspeito de ameaçar a mulher.

Nas imagens, é possível ver aproximadamente 20 indivíduos invadindo o espaço. Além disso, o vídeo exibe dois homens, aparentemente um residente e um porteiro, tentando afastar o suspeito dos invasores.

Para ver o vídeo CLIQUE AQUI!

Apesar dos esforços para evitar o linchamento, o grupo conseguiu invadir o espaço e alcançar a área comum do condomínio. O homem foi alcançado e sofreu agressões físicas, incluindo socos e chutes. A polícia foi chamada e, ao chegar ao local, conseguiu conter a situação tumultuada.

Conforme informações da polícia civil, dois registros foram feitos: um na Delegacia de Boa Viagem por agressão e outro na Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (Deam) de Santo Amaro por violência contra a mulher.

Veja também:

Em 1 hora, homem é assaltado duas vezes, atropelado e deixado em situação constrangedora em Fortaleza

Na madrugada de terça-feira (24), um motociclista que trabalha para um aplicativo enfrentou uma série de eventos aterradores em Fortaleza. Em um curto espaço de menos de uma hora, ele foi vítima de dois assaltos consecutivos. Além disso, foi atropelado e, sob a ameaça de um homem com uma pistola e com uma faca, foi coagido a permanecer vestido apenas com uma cueca no meio da rua. A sequência de acontecimentos ilustra a gravidade da situação enfrentada pelo profissional naquela noite.

No primeiro incidente, que ocorreu no Bairro Antônio Bezerra, os criminosos subtraíram a motocicleta, o celular, a mochila e até mesmo o capacete que o motociclista disponibilizava para o passageiro.

Cerca de uma hora mais tarde, enquanto retornava a pé para casa, o motociclista foi alvo de outro ataque, sendo atropelado por outros delinquentes. Estes o ameaçaram com uma faca e o deixaram vestindo apenas uma cueca.

O segundo episódio foi capturado por câmeras de segurança, registrando os terríveis acontecimentos.

O motorista, que optou por não revelar sua identidade, relatou em uma entrevista à TV Verdes Mares que buscou auxílio junto a pessoas próximas e às autoridades de segurança, no entanto, lamentavelmente, não obteve o suporte necessário. Esta situação evidencia a urgência de uma resposta mais eficaz por parte das autoridades diante de eventos tão traumáticos e alarmantes.

“De repente, surgiu um jovem portando uma pistola e anunciou o assalto. Durante esse terrível evento, levaram minha motocicleta, um dos capacetes, meu aparelho celular e a mochila. Fiquei completamente desesperado”, recorda o motorista.