Mais um anestesista é preso por abusar de pacientes sedadas no RJ

Foi preso na manhã desta última segunda-feira (16), no Rio de Janeiro, o anestesista colombiano Andres Eduardo Oñate Carrillo, de 32 anos, sob suspeita de estuprar ao menos duas pacientes sedadas durante cirurgias. O caso é semelhante ao do também anestesista Giovanni Quintella Bezerra, que foi preso em julho do ano passado e responde na Justiça por estupro de vulnerável.

Contudo, ao contrário de Giovanni, foi o próprio Andres Eduardo quem se filmou abusando das vítimas. Em um dos flagrantes, ele aparece nas imagens esfregando e introduzindo o pênis na boca de uma mulher. A Justiça encaminhou um mandado de prisão e busca e apreensão contra ele por estupro.

Recomendamos