Wall Street: Democracia corre grave perigo com a volta de Lula

O jornal norte-americano de informações direcionada para a economia, Wall Street Journal, indica estar muito alarmado com o cenário que sua capacidade de antever crises lhe apresenta. Neste último domingo (25), o noticiário compartilhou um artigo denominado O retorno de Lula e a ameaça judicial à democracia no Brasil, da respeitada colunista Mary Anastasia O’Grady, redatora sênior do veículo.

O texto trouxe a memória que o presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), é “cofundador com o já morto de Fidel Castro do extrema-esquerdista Foro de São Paulo”. E, nos dias atuais, está atuando para transgredir o teto dos gastos públicos, segurar privatizações e reverter as medidas de combate a corrupção.

Recomendamos